29.3.06

Até logo, Madrid!

Na última sexta-feira fiquei a saber que a partir de Setembro as minhas entradas serão escritas a partir de Madrid. Serão, se Deus quiser, três anos a aprofundar o conhecimento da aventura de Deus com a humanidade. Ou seja, vou estudar Teologia...
Não prometo emissões mais regulares a partir dessa altura, pois não sou capaz de antecipar o ritmo de vida que terei...

Para já, depois de 3 meses verdadeiramente alucinantes a vida parece acalmar um pouco... espero conseguir retomar o ânimo com que comecei este Blog em breve.

Até já... e obrigado ao Nicolau pelas últimas entradas e a todos os que são fíeis à infidelidade deste optimista.

Será?

A luta pela glória de Deus não é contra nada nem ninguém.

25.3.06

A "opção tenebrosa"

“Na busca do bom (que constitui o nosso compromisso racional com a vida) não basta dizer que podemos incorrer em erros ou insuficiências, ou que, por vezes, as circunstâncias conspiram contra vós: para que o ‘livre arbítrio’ não se limite a um piedoso ornamento temos que deixar aberta e efectiva a possibilidade do mau, não como uma contrariedade que nos esmaga, mas como algo preferido, como uma opção tenebrosa. É mau para o sujeito sofrer tropeções ou reveses, equivocar-se, sofrer a derrota perante forças superiores; mas como e por quê pode ser mau o próprio sujeito? Em que consiste não já o mau que nos acontece, mas a maldade que deliberadamente exercemos? Pode-se ser racionalmente mau tal como se deveria ser racionalmente bom? Se escolher o bom é afirmar e reforçar o que somos, exaltar a nossa condição na sua complexidade e ainda buscar-lhe novas possibilidades, a opção pelo mau suporá desmentir-nos, diminuir-nos e mutilar-nos voluntariamente, rebelar-nos contra o que somos e quem somos.”


- Fernando Savater – in “A coragem de escolher”


Estou a gostar imenso deste livro e gostei especialmente desta passagem, porque põe em palavras coisas em que acredito. O texto continua interessante, só parei aqui porque deu para parar, e para deixar um cheirinho, eheh.
Já li outras partes igualmente interessantes, mas só agora me ocorreu apontá-las.

9.3.06

Até onde, Xavier?



No âmbito das celebrações dos quinhentos anos de S. Francisco de Xavier irá realizar-se, na próxima 6ªfeira, dia 10 de Março, a Noite XL. Será uma peregrinação nocturna que permitirá reviver a última noite de Francisco Xavier em terras portuguesas, antes de partir para o Oriente. Para isso o percurso desta peregrinação fará passar as mais de quinhentas pessoas previstas por locais emblemáticos da cidade de Lisboa, tendo o Tejo como presença constante. Durante a noite está prevista uma sequência de momentos fortes preparados pela organização para que cada pessoa experimente as cores, os sons, os aromas, os sabores de cada passo dessa despedida histórica.

...uma noite para recordar? será, espero, uma Noite para ser abalado por Deus, para deixar crescer o desejo de ir mais longe, de rasgar todos os mares e aprender a ir ao encontro...
... deixar crescer o desejo de partir!

3.3.06

Anunciação

Não
escrevo
para
passar
o
tempo.

Escrevo
para ficar
de pé
a guardar
o futuro...